Meu Nintendo64.

Categoria:

Natal de 1996, reunião familiar na casa dos parentes dos parentes (sim, estranho mesmo porque todo mundo se achava muito família, um porre).
Neste dia vieram os primos e os primos dos primos e nisso vem as crianças pequenas.
Na época, aquela caixa enorme, bonita e bem embrulhada sempre pertencia a criança mais nova e eu já estava com 10 anos e não criava mais expectativas para presentes, não ligava mais para natal etc.
Meia-Noite, hora das pessoas entregarem os presentes, ganhei um canivete suíço de um tio, que adorei, e depois ficamos eu e os outros "primos" imaginando de quem seria aquela caixa ali quietinha.
Pra minha surpresa, minha mãe pediu pra uma prima (essa era prima mesmo) que mora em SP, trazer um N64, comprado na antiga BRINQUEDOS LAURA (algo assim, via muito anuncio em revista).
A sensação foi como se eu tivesse ganhado na loteria sem ter jogado, nossa que emoção!
O Nintendo 64 foi o console mais comentado nas revistas durante um tempo e minha mãe sabia que eu era "NINTENDISTA" na época e estava babando nele quando passava na locadora.
Então ela me fez está grande e maravilho surpresa, o legal é que já veio com o Super Mario 64, hoje em dia sabemos que não vem jogo com o console (normalmente).
Depois de adulto, vem as conversas sobre economia, descobri que, assim como outros consoles que ganhei, minha mãe parcelava eles e era muito difícil de pagar, mas ela me dava vídeo-games e jogos porque ela sabia que eu realmente gostava destas coisas e porque também eu não era de sair pra brincar na rua.
Eu estudava na cidade vizinha , eu só via meus amigos durante as aulas e os que eram da minha cidade gostavam de ir para rio (o esgoto corria por este rio, por isso eu não gostava de ir).
Costumava ir muito no "fliperama" da Dona Lindina mas proibiram menores então o que me restava mesmo era de ficar em casa jogando ou assistindo vhs.
Um grande problema que eu enfrentei com meu n64 foi o preço dos jogos. Os lançamentos custavam R$199,90, isso em 1997 era uma nota preta.
No natal de 1997 tive outra boa novidade, pude escolher meus presentes, peguei um Lego de robô espacial e o jogo GoldenEye 007, o melhor jogo do N64 na minha opinião.

    *Meu xodózinho e o filme em que ele é baseado.

Durante mais ou menos uns sete anos, meu n64 sobreviveu somente com dois jogos.
Alugava jogos umas duas vezes por mês e emprestava também.
Quando alugava Mario Party e algum amigo trazia mais dois controles era festa mesmo, o fim de semana inteiro, regado a tubaína e salgadinhos e partidas eletrizantes.

Depois de um tempo, eu trabalhei com o que faz Hercuhell girar,  plantas/mudas.
Plantei várias palmeiras e coqueiros, cuidei e esperei.
Um tempo depois, vendi a um preço muito bom que me abasteceu com alguns jogos que comprei na cidade de Marília/SP. Aqui já sábia que era um colecionador nostálgico e comecei a fazer o que sempre faço,  comprar somente os jogos que me traziam a nostalgia da época de ouro do aparelho.
    *1º lote que comprei com as vendas das mudas, StarFox64, meu segundo favorito do console.

Em 2005, abri uma Lan-House voltada somente para games, o "Cantinho Thrash".
No terceiro ano de vida, comprei duas tvs usadas para por meu Snes e n64 para funcionar numa sala que batizei de "RetroRoom". A galera adorou!
Comprei mais dois títulos, completos:

Com o sucesso da lan, comprei vários títulos com o tempo.


E dei um upgrade no aparelho: 

    *Nintendo 68?

Janeiro de 2011, fechei a minha Lan-House por causa de leis que proibiram crianças/menores desacompanhado dos pais de irem em locais com jogos. Uma pena e uma lei desnecessária.

Hoje em dia, mantenho o jogos na minha coleção pessoal e minha ultima aquisição para o console foi Asteroids Hyper 64, jogo horrível, mas estava tão barato que resolvi arriscar.
    *Joguinho safado de ruim!

Aqui um pequeno vídeo que ripei da vhs do meu aniversário de 12 anos, velhos tempos.
*Jogatina de GoldenEye no N64, feliz de quem viveu este tempo de multiplayer.

 Está foi a minha historia com o console de 64 bits da Nintendo.
E a sua historia? Conte-nos no comentário ;) .